Skip to content

O que é jornalismo?

20/11/2007

A filosofia tem um jeito peculiar de fazer perguntas simples. Ela as faz algumas vezes, como aquele personagem do De Niro em Cassino, falando para uma descontrolada Sharon Stone no meio do café da manhã: “Can I trust you?”. Ele repete a mesma pergunta uma dezena de vezes antes da mulher sair sem responder. Então, a pergunta “o que é jornalismo?”, na prosódia particular da filosofia fica mais ou menos assim: “o que faz do jornalismo o que ele é?”. Viu, já começou a complicar. E antes que algum engraçadinho vá dizer que a filosofia só sabe fazer isso mesmo, complicar, eu já passo a descompostura básica: nem todo mundo é capaz de viver num mundo de sutilezas. É preciso tato, formação, olhar, e saco! Mas se você é um destes brucutus existenciais, bem, vá capinar um lote vago.

Mas o origami filosófica se desdobra ainda mais, quer ver? Se, ao contrário de perguntar sobre o “que” das coisas, eu resolvesse fazer outra pergunta: “mas qual o sentido de jornalismo? Como ele faz sentido para quem vê, ouve ou lê um jornal?”. Massa. Com essa pergunta saimos da “essência” do jornalismo para o “significado” do jornalismo e, antes que você pergunte, há uma enorme diferença. Mas eu não vou explicar.

Anúncios
Deixe um comentário

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: